Prefeitura
Secretarias
Imprensa
Jaboticabal
Informações úteis
Serviços
Transparência

Hori busca projetos para saúde em Brasília

16/03/2017 - 15:19h

Autoridades discutiram sobre ambulâncias, Mais Médicos, hemodiálise e Santa Casa

O prefeito de Jaboticabal, José Carlos Hori, foi mais uma vez à Brasília buscar apoio do governo federal para alavancar projetos. O secretário de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde, do Ministério da Saúde, Rogério Luiz Zeraik Abdalla, recebeu o prefeito nesta quarta-feira (15).

As autoridades discutiram os desafios em gerir a saúde pública neste momento econômico delicado do Brasil. “Hoje nossa melhor opção é cortar gastos públicos e buscar parcerias na iniciativa privada e no governo federal. Temos que dialogar, abrir portas, apresentar projetos e resgatar a credibilidade de Jaboticabal. É assim que vamos enfrentar, juntos, essa fase; estabilizar nossa economia para voltar a crescer”, reforça Hori.

Hori solicitou o apoio do Ministério da Saúde em vários programas. A frota para transporte de pacientes voltou a receber atenção. “Solicitei mais uma ambulância para fortalecer o atendimento de emergências. Priorizei o aumento de médicos na nossa rede pública, pedimos ajuda para a Santa Casa e aumento do teto da hemodiálise. Estamos trabalhando para que, em breve, nosso SUS volte a ser referência na região”, diz o prefeito.

Frota da Saúde - Em janeiro, Hori entregou uma Spin zero-quilômetro e uma ambulância que estava há meses parada para reparos e, em março, uma ambulância 0 km do SAMU, uma kombi e uma ambulância reformada. “Nestes dois meses 05 veículos passaram a atender a população que passa por um momento delicado da vida. Vamos continuar lutando para trazer mais ambulâncias aos pacientes que, agora, terão locomoção gratuita, segura e confortável”, finaliza Hori.

Mais pedidos – No início de março, o prefeito foi à Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo conhecer de perto o projeto habitacional do deputado estadual Marcos Zerbini, confirmando uma agenda das autoridades em Jaboticabal, no início de abril, quando será apresentado mais detalhes do projeto.

Meio Ambiente e educação – Em fevereiro, o prefeito buscou verbas para alavancar projetos em diversos setores, como educação, meio ambiente e trânsito. Hori participou de reuniões com deputados e representantes dos governos Federal e do Estado de São Paulo. Desta vez, discutiu a criação de um ecoponto, cursos técnicos (ETEC), a implantação de um triturador de galhos no aterro sanitário e um local para atendimento rápido – um “poupatempo” - no Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran).

Asfalto e drenagem – No começo de fevereiro, Hori já havia viajado à Brasília. O prefeito foi aos ministérios da Educação, de Cidades e de Cultura e visitou departamentos federais em busca de verbas para recapeamento asfáltico, drenagem e canalização de uma parte dos córregos Cerradinho e Jaboticabal; drenagem de alguns bairros da cidade e projetos de tecnologia.

Abastecimento de água - Em reunião com o secretário Nacional de Saneamento Ambiental, Alceu Segamarchi Junior, em fevereiro, em Brasília, Hori também mostrou a importância de três projetos para o saneamento básico – perfuração de poços, de reservatórios e obras na ETA (Estação de Tratamento de Água), para solucionar problemas de abastecimento de água de Jaboticabal.